đŸ€” IA que programa "sozinha"?

Fala pessoal, tudo bem com vocĂȘs?

VocĂȘs viram que o Github acabou de liberar de um novo serviço, o Github Copilot, que promete ser um programador assistente, replicando aĂ­ o conceito de programação em pares?

Ele Ă© construĂ­do usando uma InteligĂȘncia Artificial que se baseou em anos de cĂłdigos pĂșblicos na Plataforma do Github para aprender a programar e a entender o contexto dos programadores e conseguir ajudar no processo de desenvolvimento, atĂ© em casos “mais complexos”.

copilot

Atualmente estå em fase de preview técnica e jå estå disponivel como extensão do Visual Code e eu jå vi algumas dicussÔes do tipo:

E se colocarmos uma IA dessa para ser par de outra?

Precisaremos de programadores no futuro?

O serviço permite que vocĂȘ faça comentĂĄrios no seu cĂłdigo informando a lĂłgica que vocĂȘ deseja aplicar, e ele, analisando seu cĂłdigo, irĂĄ te sugerir a lĂłgica inteira. E eles prometem que funciona para a grande maioria das linguagens disponĂ­veis hoje.

Qual a opiniĂŁo de vocĂȘs sobre isso?

9 Curtidas

Eu tĂŽ passada!

E como eu não programo, fico pensando se essa solução me aproxima ou me afasta de usar esse tipo de tecnologia.

1 Curtida

Fiquei com medo, confesso.

1 Curtida

@Bia se vocĂȘ tem medo, olha isso:

3 Curtidas

3 Curtidas

E agora, José?

GitHub Copilot regurgita cĂłdigo e recebe diversas crĂ­ticas de desenvolvedores : o novo recurso Ă© acusado de “roubar” cĂłdigos com direitos autorais ou que demandam citação, sem citĂĄ-los. Um caso foi a função “Fast Inverse Square Root” implementada originalmente no cĂłdigo fonte do jogo “Quake 1” e que foi transcrita por completo pelo Copilot, incluindo um palavrĂŁo nos comentĂĄrios, criando um risco para desenvolvedores, pois o cĂłdigo original possui uma licença GPL que pode conflitar com a licença do software que estĂĄ sendo projetado. Neste final de semana, um engenheiro da SendGrid reportou que o Copilot tambĂ©m estĂĄ “gerando” chaves API do serviço vĂĄlidas e funcionais. No entanto, a culpa nĂŁo seria do recurso, mas sim dos repositĂłrios que mantĂ©m essas chaves disponĂ­veis publicamente. A comunidade ainda estĂĄ avaliando o Copilot, mas alguns desenvolvedores estĂŁo com receio de utilizar a ferramenta e serem processados por utilizar cĂłdigos roubados ou estĂŁo movendo seus repositĂłrio e abandonando o GitHub em forma de protesto. As informaçÔes sĂŁo do site HackerNews.

1 Curtida